Palmas-TO, 24 de abril de 2024

WebMail

Gestores apresentam as linhas de atuação da Fapto para professores e técnicos do ITPAC Palmas

Atualizado em: 26/01/2023 10h40

Cientes da necessidade de ampliar o desenvolvimento de projetos de pesquisa e extensão, a equipe do Instituto Tocantinense Presidente Antônio Carlos - (ITPAC) de Palmas, convidou os gestores da Fundação de Apoio Científico e Tecnológico do Tocantins (Fapto) para apresentar a atuação da instituição durante a programação de abertura da Semana de Desenvolvimento Docente do ITPAC Palmas.

Durante a atividade que aconteceu na noite desta última quarta-feira, 25, nas instalações do Itpac, o diretor-geral da Fapto, Léo Araújo, e a diretora técnica, Fernanda Fernandes, aproveitaram a ocasião para compartilhar com os docentes e o corpo técnico do Instituto, o papel da Fundação de Apoio para as instituições de ensino superior.

Araújo falou um pouco sobre a atuação da Fapto com as instituições já apoiadas, mostrou números relevantes de captação de recursos e de projetos apoiados, além das oportunidades que a Fundação oferece para os pesquisadores. “Ajudamos na promoção de projetos, programas e ações que possam, de alguma forma, atender as necessidades locais e prospectar alternativas de crescimento e desenvolvimento do ensino, da extensão e da pesquisa das instituições. Com o apoio da Fundação, o pesquisador terá mais agilidade em muitas etapas e processos no decorrer da pesquisa. Como Fundação de Apoio, está inserida no chamado Terceiro Setor, ela consegue preencher a lacuna existente entre o governo e a iniciativa privada”, cita o diretor-geral.

Para a professora Dra Yamba Carla Lara Pereira, que também é coordenadora acadêmica do ITPAC Palmas, a parceria do Itpac com a Fapto é um sonho que vem sendo sedimentado dentro do cenário de pesquisa do estado do Tocantins. “Nós temos professores muito capacitados, muito bem formados e com anseio muito grande para fazer a diferença. Então em nome desse sonho foi que procuramos a parceria com a Fundação, vislumbrando abrir portas para que os nossos professores possam de maneira organizada e de sucesso atingir o que tem de mais correto dentro da ciência, podendo assim devolver para a sociedade o pensar científico em forma de produto, em forma de de produção”, avalia a coordenadora.

Dra Yamba Carla citou ainda o trabalho da Fapto com referência para o Estado. “Queremos aproveitar a interlocução através da Fapto e dos editais para transformar os projetos dos nossos professores e alunos em realidade. Acreditamos que só é possível preparar os nossos alunos em profissionais mais qualificados, com a associação da pesquisa e da extensão ao ensino, por isso que o ITPAC vê como muito promissora essa parceria com a Fapto”, destaca.